Por que o IPHONE custa tão caro no Brasil ?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Por que o IPHONE custa tão caro no Brasil ?

Mensagem por Pandora em Qui Set 25, 2008 3:24 pm



Para a alegria dos fãs do iPhone 3G, finalmente o smartphone mais esperado do momento será lançado no Brasil na próxima sexta-feira, 26/09, pela Vivo e pela Claro. Ambas operadoras mostrarão o gadget para imprensa e celebridades amanhã à noite, 25/09, durante festa em São Paulo. Mas quem espera que o celular da Apple aporte por aqui com preços convidativos não devem se entusiasmar muito.

O WNews teve acesso aos valores que serão cobrados pelas duas operadoras e constatou que a versão mais barata do aparelho custará mais que o dobro do que é cobrado nos Estados Unidos e será até mesmo mais caro se comparado aos preços praticados na vizinha Argentina.

Nossa reportagem ouviu especialistas e mostra para você porque o Brasil é um dos países onde o terminal da Apple custará mais caro, principalmente porque ele não contará com nenhum tipo de subsídio por parte das operdora.

Vivo privilegia plano vip

Pela tabela de preços da Vivo, o valor mais baixo do aparelho é o oferecido para assinantes do plano "Vivo Completo", que desembolsam mensalmente R$ 525 para ter 1,4 mil minutos de ligações. Para esses usuários, o iPhone 3G de 8 GB sairá por R$ 899, e o de 16 GB, por R$ 1.199.

Já o valor mais alto é cobrado para quem usa o pacote básico "Vivo Escolha 50", que custa R$ 52 para 50 minutos de chamadas por mês. Nesses casos, os clientes irão pagar R$ 1.499 pela versão de 8 GB ou R$ 1.789 pelo modelo de 16 GB.




Para efeito de comparação, nos Estados Unidos o iPhone 3G de 8 GB custa US$ 199, o que resultaria, em moeda nacional, cerca de R$ 360. Já o modelo de 16 GB sai a US$ 299, ou seja, em torno de R$ 540.

Claro parcela em 10 vezes

Não se sabe ainda os pacotes nem preços oficiais que serão oferecidos pela Claro na venda do iPhone no Brasil, mas a reportagem do WNews apurou que a operadora já está apresentando uma oferta para cadastrados no site interessados no smartphone.

Segundo a atendente do telemarketing, os inscritos na lista podem adquirir o terminal em até dez parcelas fixas. O modelo de 8GB sairia por dez pagamentos de R$ 199 (R$ 1.999) e o de 16 GB por dez prestações de R$ 229 (R$ 2.299).

Esses valores valeriam para qualquer um dos planos pós-pagos, mas o cliente teria de assinar um contrato de fidelização de no mínimo 12 meses. Os que desistirem antes desse prazo teriam de pagar uma multa de R$ 336.

Ainda de acordo com a central de atendimento, os interessados podem programar o débito em cartão de crédio a partir de 26/09 e a entrega aconteceria em dois dias úteis. Veja os planos abaixo:

Estilo 40 – R$ 45,90 / mês
Estilo 70 – R$ 71,90 / mês
Estilo 100 – R$ 90,90 / mês
Estilo 200 – R$ 118,94 / mês
Estilo 300 – R$ 151,61 / mês
Estilo 500 – R$ 182,75 / mês
Estilo 750 – R$ 251,65 / mês

As duas opções de preços seriam somente para os cadastrados pelo site e que os preços a serem praticados na loja seriam mais altos.

Na Argentina, os preços praticados pela Claro na venda do iPhone são bem mais em conta, embora os usuários daquele país sejam menos penalizados pela tributação e favorecidos pela moeda local. Lá o celular da Apple de 8 GB mais caro sai por 1.599 pesos, ou cerca de R$ 945,06 para um plano mensal de R$ 70,33, com direito a 160 minutos de ligação. O mais barato dessa versão custa 1.059 pesos, ou R$ 625,90, com mensalidade de R$ 135,35 para 400 minutos de voz por mês.

Já o iPhone de 16 GB, no pacote mais simples oferecido pela Claro aos argentinos, sai por 2.029 pesos ou R$ 1.199,21 pelo plano de R$ 70,33 e 874,14 para o plano de R$ 135,35.

O que encarece o iPhone?

Um dos fatores que contribuirão para tornar o preço do iPhone 3G salgado é a alta carga de impostos cobrada pelo mercado brasileiro. Segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), os celulares que não são produzidos no país pagam os seguintes tributos: 16% de imposto de importação; 15% de IPI (Imposto sobre Produto Industrializado), 18% de ICMS quando a venda é em São Paulo, uma vez que esse tipo de cobrança varia de acordo com o Estado; e mais 9,25% de PIS/Cofins.

Essas taxas se estendem para toda a cadeia de distribuição. Com a cobrança de impostos em cascata, a Abinee estima que a tributação em cima de um celular importado ultrapasse 60%.



lém desses tributos, a operadora que vai revender o produto adicionará ao preço do aparelho os custos trabalhistas e a sua margem de lucro, que, somados, podem chegar a até 30%, calculam especialistas. Essas taxas são repassadas ao consumidor, encarecendo o preço final do aparelho.

“Com toda essa carga de impostos do Brasil, não tem mágica. Quem quiser o iPhone oferecido pelas operadoras vai pagar caro mesmo”, diz Ivair Rodrigues, diretor do instituto de pesquisas IT Data. Segundo ele, a solução para barateamento do celular da Apple no Brasil seria a produção local, que a seu ver não faz parte dos planos da empresa de Steve Jobs.

“Os brasileiros consomem produtos da marca, mesmo sem fabricação nacional. Por que a Apple investiria numa planta aqui? Para competir com o mercado paralelo?”, questiona Rodrigues.

Diante desse cenário, o analista de mercado afirma que as operadoras terão de oferecer serviços diferenciados para atrair usuários para o iPhone. “Com o alto preço do aparelho, muitos vão preferir comprar o terminal de forma ilegal”, diz ele.

Financiamento pelo Bradesco

Para os que não podem comprar o iPhone à vista, o Bradesco fechou acordo com a Vivo e Claro para financiar o celular da Apple em até 24 prestações.

A assessoria de imprensa do banco informou que não há data definida de quando a instituição passa a oferecer a linha de crédito aos compradores do produto nem se o financiamento seria apenas para seus clientes.


Fte.


flower
avatar
Pandora
Col
Col

Mensagens : 400
Data de inscrição : 09/01/2008
Idade : 29
Localização : Dentro de uma Bomba

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum